Tudo quanto penso, tudo quanto sou, é um deserto imenso, onde nem eu estou.

-Fernando Pessoa

A série Duna escrita por Frank Herbert é considerada uma das maiores obras primas de ficção cientifica e a mais vendida de todos os tempos. Duna se passa em um futuro distante no meio de um império intergaláctico feudal em expansão. O livro conta a história do jovem Paul Artreides, herdeiro do Duque Leto Atreides e da respectiva Casa Artreides, na ocasião da transferência de sua família para o planeta Arrakis.

O mais interessante sobre este livro, porém, é o quão inovador ele foi e continua sendo, trazendo para o enredo temas como religião, economia, política, ecologia, espiritualidade, psicologia, ciência e uma história perfeita, capaz de transformar qualquer pessoa. O próprio personagem que é chamado de “Kwisatz Haderach” (aquele que diminui o caminho, ou, aquele que se teleporta) vem do termo cabalístico “Kefitzat Haderech” que basicamente significa “aquele que diminui a distância entre dois pontos.”

O livro mistura um universo fictício com elementos históricos e reais. É notável a influência islâmica e de outras formas de religião (religar) no livro, o próprio personagem principal pode ser considerado como uma espécie de profeta, os Zensunni seguidores do Zen-Budismo, o Jihad Bluteriano (guerra contra as máquinas que se tornaram conscientes) vem do conceito de Hajj ou Jihad que são respectivamente a peregrinação à meca e a guerra santa.

Enfim, é um livro extremamente rico, e uma de suas interpretações é que este se refere a dependência do ocidente com o petróleo que existe no oriente. Porém o leitor perspicaz notará que existem praticamente infinitas interpretações a respeito do livro. O importante é mergulhar na história, se sentir o personagem e aprender com os problemas que este se depara e termina por resolver. Através de Paul Artreides podemos ter uma noção de como é a vida de alguém “escolhido” e de todas dificuldades que esta pessoa passa internamente (as viagens imaginais são capazes de deixar qualquer pessoa intrigada).

Frank Herbert faleceu em 1986 e deixou talvez um dos maiores universos fictícios já construídos, totalizando uma série com seis livros e que depois foi completada com mais títulos escritos pelo seu filho.

Título: Duna
Autor: Frank Herbert
Editora: Aleph
Ano: 2017
Número de páginas: 680

Sua empresa tem uma biblioteca Kisoul e você quer ler esse livro? Nos mande um ‘oi’ que levamos ele para você =)